Especialistas esclarece dúvidas de leitores sobre ortopedia

98

A ortopedia e traumatologia é a especialidade médica que cuida das doenças e deformidades relacionadas aos elementos do aparelho locomotor – como ossos, músculos, ligamentos e articulações. Atua em diversas doenças, além da prevenção e tratamento de lesões e traumas relacionados ao esporte, trabalho, acidentes automobilísticos, entre outros. Convidamos doutor Juliano Paradela, ortopedista especializado em cirurgia do quadril na clínica Ortotrauma, para responder as perguntas de nossos leitores sobre o tema. Para a próxima edição, envie suas perguntas sobre nutrologia para jessica@editoraviver.com.br e participe!

  1. Como evitar que a corrida ou outros esportes resultem em problemas no quadril?

Janaína Almeida, 29, professora.

Dr. Juliano: Podemos prevenir problemas no quadril e/ou em outras articulações utilizando calçados adequados, realizando treinamentos com orientação de um educador físico ou fisioterapeuta e com aumento progressivo da intensidade do treino para não sobrecarregar as articulações e a musculatura.

  1. O jeito que dormimos pode acarretar doenças ortopédicas?

Júlio Nogueira, 19, estudante.

Dr. Juliano: Pode sim. A melhor posição para se dormir é deitado de lado, com um travesseiro entre as pernas e um travesseiro para a cabeça, cuja altura ideal deve preencher o espaço entre a cabeça e o colchão, para que o pescoço fique em uma posição anatômica e confortável. O colchão não deve ser muito duro e nem muito mole, devendo ser firme e confortável. A pior posição de dormir para a coluna é de barriga para baixo.

  1. Quem usa prótese pode fazer exercícios físicos? Que cuidados deve-se ter nesse sentido?

Maria Lúcia Vieira, 47, recepcionista.

Dr. Juliano: Pode sim, no entanto, deve ser sempre orientado pelo profissional que a colocou. Depende de vários fatores, por exemplo qual tipo de prótese, em qual articulação, da qualidade da prótese e, não menos importante, qual tipo de atividade física se pretende fazer.

  1. Dores nas articulações são sempre indícios de problema?

Everton Lima, 38, cobrador.

Dr. Juliano: Nem sempre. Podemos sentir dor por má postura, sedentarismo, fraqueza muscular, posições viciosas no trabalho ou durante a prática de exercícios físicos sem orientação, etc. Porém, devemos descartar qualquer tipo de problema de saúde quando se tem dor, pois pode ser um indício de algum problema.

  1. Tenho tido episódios de espasmos na coxa frequentemente. Isso é normal?

Jessica Costa, 23, professora.

Dr. Juliano: Pode ser normal sim, podendo ser apenas espasmos de relaxamento muscular. Ou pode ser sinal de estresse, fadiga muscular e ansiedade.

  1. Quais são os sintomas da artrose no quadril?

Aparecida Fernandes, 52, doméstica.

Dr. Juliano: Dor com piora progressiva e características mecânicas, ou seja, que piora aos movimentos da articulação do quadril; limitação dos movimentos, que piora com a progressão da artrose, podendo variar desde uma dificuldade para atravessar uma rua correndo até a incapacidade de calçar um sapato ou mesmo de andar.



Editora da revista Viver!, uma das mais importantes revistas de saúde do país. A publicação Sul capixaba circula mensalmente há mais de 17 anos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *