Dicas de lanches para uma lancheira escolar mais saudável

210

A correria do dia a dia, os preços mais acessíveis associados à falta de tempo dos pais fazem com que a preferência na hora de providenciar o lanche escolar dos filhos seja por itens prontos – lanches rápidos e produtos industrializados. Afinal, é muito mais fácil do que preparar todo dia uma opção saudável e diferente feita em casa. Muitas vezes, também, as próprias crianças querem escolher o que levar e acabam preferindo alimentos não nutritivos, ou insistem em comprar na cantina, que nem sempre oferece lanches naturais e nutritivos.

Conforme alerta a nutricionista da clínica Heci Mais Karla Vieira dos Santos, porém, o maior consumo de produtos processados e/ou refinados interfere não só no bem-estar diário dos pequenos, como pode provocar doenças que dificultam o seu desenvolvimento físico e mental. Além de aumentar o risco de problemas na saúde, incluindo doenças nos rins, doenças no coração, colesterol alto e obesidade, anemia, diabetes e hipertensão, muito comuns entre crianças de todas as faixas etárias. Também pode influenciar na maior incidência de alergias.

De acordo com a profissional, um lanche equilibrado deve conter uma fonte de carboidrato + uma fonte de proteína + uma fonte de vitaminas/fibras/minerais + uma bebida. “Com essas dicas, as crianças manterão uma alimentação saudável contribuindo para sua qualidade de vida. Lembrem-se, o estilo de vida saudável começa em casa. Pais que se alimentam de forma adequada dão exemplo para seus filhos. Em casos de crianças com alterações da glicose ou colesterol, deve-se sempre procurar uma orientação nutricional individualizada”, orienta.

Vilões X mocinhos

Carboidratos – Prefira: Pão integral, bolo integral, batata doce, bolinhas de tapioca, cookie integral e/ou de aveia, biscoito de polvilho integral. Evite: Bisnaguinhas, biscoitos recheados, salgados fritos, batatas de pacote e bolo pronto de pacotinho.

Proteínas – Prefira: Carnes magras (para recheios), leite, queijo branco, iogurte natural, pasta de grão de bico ou pasta de amendoim. Evite: Queijos amarelos, iogurtes industrializados e requeijão.

Vitaminas/fibras/minerais: Frutas variadas; dê preferência às da estação.

Vegetais/Legumes (cenoura baby, cenoura e beterraba raladas para recheio, alface, tomate).

Bebidas – Prefira: Água de coco, chocolate à base de cacau, suco de frutas natural e sem adoçar e sucos integrais. Evite: Refrigerantes, suco de caixinha e achocolatado.

Faça você mesmo!

  1. Pasta de Frango

Ingredientes: 100g de peito de frango cozido e desfiado, ½ tomate pequeno picadinho, 1 colher de sopa de cenoura ralada, 1 colher de sopa rasa de queijo tipo cottage, Salsa picada e orégano a gosto. Modo de preparo: Misture todos os ingredientes. Use para recheio de sanduíches com pão integral.

  • Cookie de banana e cacau

Ingredientes: 2 bananas pratas maduras, 4 colheres de sopa rasas de farinha de aveia, 1 a 2 colheres de sopa rasas de cacau em pó. Modo de preparo: Amasse bem a banana em uma tigela. Misture a aveia e o cacau em pó até formar uma massa homogênea. Molde em formato de biscoito ou coloque em forminhas e asse em forno pré-aquecido por 20 minutos.

  • Saladinha de frutas

Ingredientes: 3 ou mais frutas da sua preferência. Modo de preparo: Higienizar e picar as frutas selecionadas. Regar com suco natural de laranja ou limão. Salpicar chia sobre a saladinha.



Editora da revista Viver!, uma das mais importantes revistas de saúde do país. A publicação Sul capixaba circula mensalmente há mais de 17 anos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *