Especialista esclarece as possíveis causas da dormência nos pés

143

Sabe aquela sensação de dormência nos pés? Existem várias causas possíveis por trás desse sintoma. De acordo com o ortopedista Luciano Brasil, especialista em cirurgia dos pés na clínica Ortotrauma, o problema pode estar no próprio pé, ou estar sinalizando a presença de alguma patologia.

No primeiro caso, um exemplo é o neuroma de Morton. Trata-se do nome dado a uma lesão que ocorre em um nervo do pé, mais especificamente no nervo que passa entre o terceiro e quarto dedo. “Percebe-se uma sensação de dormência e queimação localizadas principalmente na parte de baixo do pé”, explica doutor Luciano.

Outra possível causa da dormência no pé é a Síndrome do Túnel do Tarso, que pode ser anterior ou posterior. Também chamada de síndrome do túnel tarsal, ou ainda de compressão do nervo tibial do tornozelo, consiste em um doloroso transtorno que acomete o pé, caracterizado pela compressão do nervo tibial em seu caminho pelo túnel tarsal.

Nesse caso, conforme salienta o especialista, a dormência e sensação de queimação ou ardência também são localizadas em pontos específicos do pé. “Normalmente, os sintomas melhoram com o repouso e pioram com a movimentação e ao ficar muito tempo em pé”, relata.

Vale destacar que esses sintomas também podem estar ligados ao diabetes. Para o diabético, a dormência nos pés é contínua, acomete o pé inteiro e independe da posição em que a pessoa se encontra. “Nesses casos, a orientação é procurar um neurologista. Já nos casos de dormência localizada, como os citados anteriormente, o ortopedista é o profissional indicado”, orienta o médico.

 



Editora da revista Viver!, uma das mais importantes revistas de saúde do país. A publicação Sul capixaba circula mensalmente há mais de 17 anos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *