Exercícios físicos oferecem diversos benefícios aos idosos

254

Foto: Jonathan Lessa

Independentemente da idade, a prática de atividade física regular é sempre benéfica. Ter uma vida saudável depende tanto de uma alimentação adequada, como da realização frequente de exercícios físicos. O sedentarismo, que é a falta de atividade física regular, traz malefícios como perda de força física, atrofia muscular, acúmulo de gordura, propensão a infarto, entre outros.

Pesquisas comprovaram que a atividade física libera no cérebro substâncias que provocam sensação de tranquilidade e paz. “Se você está chegando na terceira idade ou já chegou, deve ter atenção redobrada quanto a importância de fazer atividades físicas regulares. Ela é de extrema importância para reduzir os danos causados pelo tempo, como enfraquecimento dos músculos, perda de equilíbrio, maior cansaço e perda do tônus muscular”, revela o ortopedista Danilo Lobo, da Ortotrauma.

Falando sobre os benefícios do exercício físico na terceira idade, o especialista cita o bem-estar psicológico e físico, aumento da imunidade (prevenção de doenças cardíacas e vasculares), aumento do HDL (colesterol “bom”) e diminuição da pressão arterial. Além disso, ocorre uma redução de gorduras, fortalecimento dos músculos e aumento da massa muscular e óssea.

Conforme explica doutor Danilo, o ideal é intercalar os tipos de atividades. “Pelo menos por dois dias, faça exercícios aeróbios como a caminhada, hidroginástica, bicicleta e outros. Nos dias restantes, faça exercícios de fortalecimento muscular, sempre acompanhados por um educador físico, com um programa de treinamento individualizado.

O ortopedista salienta a importância de utilizar cargas entre leves e moderadas, respeitando sempre as características individuais, suas necessidades, objetivos e, principalmente, suas limitações. “É fundamental realizar uma avaliação médica prévia e escolher os exercícios corretos, para que tenham eficácia, segurança e motivação e não tragam  dor ou desconforto”, aponta.

Exercícios recomendados

– Caminhada: além de promover o convívio social, fortalece os músculos e as articulações e melhora o ritmo cardíaco. Durante a caminhada, é importante manter boa postura e usar tênis adequados.

– Natação: a natação é um dos melhores exercícios para a terceira idade, porque oferece muitos benefícios, tais como alongar e fortalecer os músculos e articulações do corpo, além de prevenir o aparecimento de lesões.

– Andar de bicicleta: ajuda a fortalecer as articulações, especialmente as dos joelhos, tornozelos e quadril.

– Alongamentos: além de melhorarem a flexibilidade e a circulação sanguínea, melhoram a amplitude dos movimentos. Além disso, os exercícios de alongamento ajudam a diminuir a rigidez das articulações e músculos.

– Hidroginástica: todos os músculos do corpo são exercitados e a água favorece o relaxamento das articulações, aliviando as dores e desenvolvendo a força e resistência do corpo.

– Pilates: aumenta a flexibilidade e força, favorecendo a coordenação dos movimentos. Além disso, o Pilates ajuda a melhorar a postura e a aliviar o estresse.



A revista Viver! é publicada mensalmente há mais de 17 anos com circulação no Espírito Santo. Trata-se de uma das mais importantes revistas de saúde do Brasil, com centenas de especialistas em prol do dilema "Informação que faz bem".


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *