Pediatra fala sobre carreira, hobbies e desafios em sua vida

833
Foto por Erika Medeiros

Dr. Luiz Renato Madureira, pediatra geral e gastroenterologista pediátrico, é formado pela Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com ingresso em 1984. Fez dois anos de residência em pediatria e outros três em gastropediatria, concluindo os 11 anos de formação.

Viver! -Voltando alguns anos atrás, quando optou pela pediatria como carreira. O que o levou a escolher a área?

Dr. Luiz Renato: Entrei na faculdade em 84, e confesso que no começo não gostei do curso. No terceiro ano estava disposto a trancar a matrícula e trocar de curso. Mas acabei decidindo me formar e, depois, se não gostasse, faria outro curso. Foi quando fiz a disciplina de pediatria, no oitavo período, e realmente me identifiquei e apaixonei pela área. Gosto muito de ser pediatra, não me vejo em outra área da medicina.

Viver! – Falando um pouco sobre seus hobbies, conte um pouco sobre a importância do esporte na sua vida…

Dr. Luiz Renato: Fui um adolescente com sobrepeso, então aos 14 anos comecei a praticar corrida de rua (cooper) para perder peso, e tomei gosto pela atividade, a qual pratico até hoje. Gosto de todos os esportes e do prazer que ele me proporciona. Hoje faço corrida, caminhada e musculação em casa para manutenção de massa muscular. Além disso, há 25 anos faço hipismo; adoro interagir com cavalos e participava de competições de três tambores com cavalo quarto de milha – não necessariamente com o objetivo de ganhar, mas pelo prazer de competir e ganhar qualidade de vida. Os cavalos são animais fantásticos.

Viver! – Doutor Luiz Renato, o senhor passou por um momento delicado na sua vida, um infarto, recentemente. Inclusive, ficamos felizes com sua boa recuperação. O que tem a falar a respeito?

Dr. Luiz Renato: no dia 10 de abril sofri um infarto fulminante, durante treinamento para a prova de três tambores no parque de exposições de Cachoeiro e agora no dia 10 de maio completei 30 dias da minha nova vida. Senti azia, desconforto no braço esquerdo, na mandíbula e dor súbita com queda de pressão. Eu sabia que estava infartando e que era grave. Tenho uma boa noção de clínica geral e isso me ajudou a identificar o quadro. Fui levado ao hospital da Unimed, onde recebi o primeiro atendimento. Durante o trajeto, liguei para minha esposa Gláucia e para o amigo médico, doutor Paulo Nicoli, solicitando ajuda. Fui muito bem atendido em todos os hospitais em que passei aquela noite.

Viver! – O que isso lhe trouxe de experiência? O que mudou em sua vida após esse episódio?

Dr. Luiz Renato: Eu tinha certeza que ia morrer. E nessa hora a gente repensa muito a vida. Felizmente, graças a Deus e ao trabalho excelente de colegas médicos fantásticos, estou com o coração recuperado. Foi implantado um stent na coronária e conseguida a revascularização.

Hoje dou muito mais valor à vida e às coisas que realmente importam: Jesus, saúde, família e amigos. Trabalhar e sonhar com coisas materiais é importante, mas não é a isso que devemos dar valor. Agora é muito mais fácil ser feliz, se acordo vivo, já estou feliz.

Viver! – E hoje, quais são os seus planos para o futuro?

Dr. Luiz Renato: Para o futuro, meus planos são continuar valorizando o que é mais importante e cuidar ainda mais da minha saúde. Quero trabalhar muito ainda. Trabalhar me faz bem. Apenas acho que terei que reduzir um pouco o ritmo de trabalho. Além disso, pretendo manter a prática de esportes. Quero voltar a cavalgar, a treinar e a criar cavalos quarto de milha. Um dia de cada vez.

Gostaria de registrar meu imenso agradecimento a Jesus, ao apoio da família, dos amigos e ao trabalho excelente dos médicos. Agradeço aos doutores Gil, Saulo, Paulo José, Nicolli, Leandro, Wilson (da Unimed em Cachoeiro) e Vitor e Felipe (do CIAS em Vitória), além dos enfermeiros, técnicos de enfermagem, nutricionistas, enfim, toda a equipe maravilhosa dos hospitais – me desculpem se esqueci algum nome. E agradeço principalmente ao carinho e orações da população Sul capixaba comigo; sempre que ando na rua recebo abraços das pessoas. Só tenho muito a agradecer.

Dr. Luiz Renato Madureira atende na avenida Francisco Lacerda de Aguiar, 10, salas 401 e 402 – Ed. Pasteur – bairro Gilberto Machado, Cachoeiro. Telefone: (28) 3511-1399.



Editora da revista Viver!, uma das mais importantes revistas de saúde do país. A publicação Sul capixaba circula mensalmente há mais de 17 anos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *